Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Informadouro

Somos mundo!

Informadouro

Somos mundo!

Os melhores ‘Queijos de Portugal’ são…21

Divulgação

A ANIL - Associação Nacional dos Industriais de Lacticínios anunciou no passado dia 30 de outubro os melhores ‘Queijos de Portugal’. A concurso estavam 193 queijos de 55 empresas. Na edição deste ano foi introduzida mais uma categoria: o ‘Queijo Fresco Atabafado’. Um queijo fresco de origem maioritariamente alentejana e algarvia, produzido com leite de cabra ou mistura de leite de cabra e vaca, submetido a tratamento térmico superior ao da pasteurização.

São 21 os queijos que vão envergar o selo ‘Prémio Melhor Queijo 2017 - Concurso Queijos de Portugal’. Foram ainda chamados “ao palco”, para receber ‘Menção Honrosa’, 41 representantes de queijos que estiveram a concurso.

Fomentar o desenvolvimento da indústria e melhorar o posicionamento dos queijos portugueses no mercado e, ao mesmo tempo, reforçar o reconhecimento deste produto junto do consumidor é o que a ANIL se propõem alcançar com a realização deste concurso.

 

O grande vencedor é JD-Empresa de Lacticínios, que arrecadou três galardões na categoria Cabra Cura Normal, com 'Palhais Gourmet Saloio', na categoria Mistura Cura Normal, com 'Três Igrejas Tradicional Saloio', e na categoria Mistura Cura Prolongada, com 'Três Igrejas Cura Prolongada Saloio', para além das três ‘Menções Honrosas’ na categoria Requeijão Mistura, com 'Requeijão Natural Saloio', na categoria Cabra Cura Prolongada, com 'Palhais Rústico Saloio', e na categoria Mistura Cura Prolongada, com 'Sítio da Perdiz Saloio'. Seguiu-se a Lacticínios do Paiva, vencedor nas categorias Requeijão Vaca, Flamengo e Novos Sabores, com 'Requeijão de Lamego', 'Paiva Bola' e ‘Paiva Flamengo com Alecrim', respectivamente, tendo arrecadado uma ‘Menção Honrosa’ na categoria Flamengo, com 'Paiva Fatias', e outra na categoria de Queijo Fresco Vaca. A Queijaria Flor da Beira venceu na categoria Requeijão Ovelha, tendo recebido também três ‘Menções Honrosas’: 'Flor da Beira Amanteigado' (Ovelha Cura Normal), 'Flor da Beira Amanteigado Seleção' e 'Flor da Beira', ambos na categoria Ovelha Cura Prolongada. Já à Queijaria Guilherme foram atribuídas duas ‘Menções Honrosas’ na categoria de Queijo Fresco Atabafado e uma categoria de Requeijão Ovelha.

Os outros vencedores são: Filomena Maria Amaro, na categoria Queijo Fresco Vaca, com o 'Requeijoeste Argola'; Queijos Tavares, na categoria Queijo Fresco Ovelha, com o 'Queijo Fresco de Ovelha Seia'; a Queijaria Licínia, na categoria de Queijo Fresco Cabra; Queijaria Prado da Sicó, nas categorias Queijo Fresco Mistura e Requeijão Fresco Mistura; a Queijaria Eira da Vila, na categoria Queijo Fresco Atabafado; a Queijaria Sapata e Filha, na categoria Requeijão Ovelha, com ‘Queijaria Sapata’; a Bilores-Queijo Artesanal, na categoria de Requeijão Cabra, com ‘Queijo Bilores’; a Cooperativa Agrícola de Lacticínios do Faial, na categoria Vaca Cura Normal, com 'Ilha Azul Amanteigado'; a Lacticínios MAF nas categorias Vaca Cura Prolongada e Para Barrar, com 'Queijaria Apimentada' e 'Rico Creme', respectivamente; a Cooperativa Agrícola de Lacticínios de Lourais, na categoria Ilha, com 'Lourais'; a NCCavaco-Produtos Alimentares, na categoria Ovelha Cura Prolongada, com 'Almocreva Clássico'; a Rural Futuro, na categoria Ovelha Cura Prolongada, com 'Modad'Oyro'; e a Lactibar-Lacticínios do Sabugal, na categoria Cabra Cura Prolongada, com 'Quinta da Cabreira'.