Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Informadouro

Éramos Douro... agora somos mundo!

22
Fev18

Quercus propõem #40 dias sem plástico


helena margarida

Direitos Reservados

Estudos recentes mostram que 259 milhões de copos de café, 10 biliões de beatas de cigarros, 40 milhões de embalagens de take-away, 1 bilião de palhinhas de plástico e 721 milhões de garrafas descartáveis são consumidos anualmente em Portugal. Perante este cenário de aumento do consumo de produtos descartáveis a Quercus vai divulgar em Portugal durante os quarenta dias da Quaresma um desafio ambiental europeu e diário que convida a população a desistir dos produtos descartáveis sensibilizando para modos de vida mais amigos do Ambiente

Segundo a coordenadora de resíduos da Quercus, Carmen Lima “Portugal está em linha com os países que mais consomem este tipo de produtos, mas alguns deles, como a França e o Reino Unido, já com legislação pronta para eliminar o uso deste tipo de produtos e reduzir também o consumo de plásticos. A Quercus espera que Portugal passe rapidamente a fazer parte deste grupo de países”…

Direitos Reservados

A Associação ambientalista chama ainda a atenção para os microplásticos (pequenas partículas de plástico), um ingrediente comum em muitos cosméticos e produtos de higiene pessoal que são levados para uma rede de esgotos e que por serem demasiado pequenos para serem completamente filtradas nos sistemas de tratamento acabam no ambiente aquático.

“O grande problema destas partículas é que elas não ameaçam apenas a biodiversidade marítima, mas, como entram na cadeia alimentar dos animais, entram na cadeia alimentar dos humanos, podendo colocar a nossa saúde em risco”. As micropartículas de plástico encontram-se no sal, algas, peixes e aves.

Cerca de 72% de lixo marinho da costa portuguesa são objetos entre 50 µm e 20 cm e microplásticos (<5 mm).

Aceite o desafio da Quercus e partilhe a sua experiência através de fotografias ou vídeos, usando a hashtag #40DiasSemPlástico. Poderá incluir o logotipo da campanha na sua imagem, se a colocar em https://plastikfasten.bund.net/?l=pt

 

22
Fev18

Reguengos de Monsaraz: Festival Ibérico do Javali em S. Marcos do Campo


helena margarida

Município de Reguengos de Monsaraz

Começa amanhã, 23 de fevereiro, o primeiro Festival Ibérico do Javali em S. Marcos do Campo, Reguengos de Monsaraz. Até ao dia 25 de fevereiro haverá stands com artigos de caça, restaurante com gastronomia confecionada com base nos pratos de caça, um colóquio subordinado ao tema “O javali e os seus impactos no ecossistema e na gastronomia”, e muita animação musical.

A cerimónia oficial de abertura realiza-se às 19h e terá a atuação do Grupo Coral Os Amigos do Cante Alentejano de S. Marcos do Campo – Falcões. Segue-se às 21h um espetáculo com a fadista Teresa Tapadas.

Divulgação

No sábado, dia 24 de fevereiro, o programa do festival inicia-se às 9h com uma montaria ao javali. Pelas 14h atuam o Grupo Coral Os Bel’Aurora de Campinho e os grupos de música tradicional alentejana EnCanta Modas e Al-Canti. Às 17h30, o chef Carlos Galhardas, diretor criativo na empresa Miguel Laffan, do chef do restaurante L’And Vineyards premiado novamente no ano passado com uma estrela Michelin, vai fazer um showcooking intitulado “Paladares do Montado”. Segue-se uma noite transfronteiriça com as atuações do grupo instrumental Os Lírios do Campo, pelas 19h, e do grupo espanhol Voces Al Alba, às 21h30.

No domingo, último dia do Festival Ibérico do Javali, às 11h30 vai cantar o Grupo Coral Gente Nova de Campinho e pelas 14h30 sobe ao palco o grupo de música tradicional Brisas do Alentejo.

29
Jan18

Está a chegar o Mês das Migas ao Concelho de Mora


helena margarida

Divulgação

O Município de Mora entra oficialmente em fevereiro no mês das Migas. Um prato que tem tanto de delicioso como de versátil porque haverá Migas para todos os gostos. A base é o pão alentejano e os acompanhamentos podem ser os mais variados.

Nos menus dos restaurantes participantes vão estar em destaque as Migas de espargos, batata, gatas, coentros, ovas, enchidos, entre outras, para mostrar o que de melhor se faz, gastronomicamente, neste concelho.

Esta quinta edição apresenta uma novidade, a rúbrica “Migas com Chefe”, que irá dinamizar e valorizar o evento que se tem vindo a consolidar ano após ano. Nos fins-de-semana do mês de fevereiro, os restaurantes participantes vão receber nas suas cozinhas um Chefe que vai preparar um prato de migas, que será, posteriormente, degustado pelos clientes. Joaquim Saragga Leal, Cyril Devilliers, Luís Barradas, Pedro Sommer, Pedro Mendes e Hugo Brito, são os Chefes convidados. A apresentação dos pratos será acompanhada por um momento musical.

29
Jan18

Avis: Aldeia Velha prepara-se para o Carnaval


helena margarida

Divulgação

A Aldeia Velha, no concelho de Avis, prepara-se para reavivar a antiga tradição da celebração da “Semana das Comadres” e “Semana dos Compadres” em tempo de Carnaval. De 3 a 10 de fevereiro a folia vai andar pelas ruas da freguesia e, à semelhança do ano anterior, o Baile e Concurso de Máscaras Artesanais, animarão o Salão da Casa do Povo, no dia 10 de fevereiro. As receitas do baile reverterão a favor daquele Centro Comunitário.

A música estará a cargo de Carlos Poeiras que terá a responsabilidade de fazer dançar os foliões e mascarados candidatos aos prémios de fantasias mais criativas. O Concurso é aberto a quem quiser participar o único requisito é que as máscaras sejam da autoria dos concorrentes. Caberá ao júri selecionar, com base nos critérios de originalidade e criatividade, as cinco melhores máscaras, a quem irá ser atribuído um prémio, sob a forma de cartão, visando a dinamização do comércio local.

23
Jan18

Orçamento do Município de Avis para 2018 reduzido em 1,47% em relação ao ano anterior


helena margarida

Município de Avis

A Assembleia Municipal de Avis aprovou, por maioria, o Orçamento municipal para o ano de 2018, no valor de 9,198.736,00 M€, incluindo Mapa de Pessoal e as Grandes Opções do Plano para o quadriénio 2018-2021.

O Documento estratégico agora aprovado, apresenta um decréscimo de 1,47% face ao ano de 2017, traduzido numa diminuição de 137 mil euros.

A previsão das receitas e das despesas para o próximo ano será, assim, de 9,198 M€, sendo que a receita corrente atingirá o montante de 7,249 M€ e a despesa corrente o valor de 6,555 M€. A receita de capital irá chegar, previsivelmente, aos 1,947 M€ e a despesa de capital aos 2,643 M€.

As principais intervenções previstas no Plano Plurianual de Investimento, cujo valor ascende a 2,194 M€, fixar-se-ão na empreitada de construção da Casa Mortuária de Avis, na Reabilitação da Casa dos Braga para Fórum Municipal da Cultura, na Requalificação de Infraestruturas Desportivas, nomeadamente o Campo de Jogos 25 de Abril, em Avis, e a Beneficiação das Piscinas Municipais, na Remodelação da Ermida de Nossa Senhora D’Entre Águas, na Beneficiação de Caminhos e Estradas Municipais, na 2.ª Fase da Ligação Avis- Clube Náutico – Corredor Pedonal e Ciclável, e na Conservação e Valorização da Ponte de Ervedal.

O Plano de Atividades Municipal para 2018 apresenta um valor definido de 7,004 M€, sendo que a afetação de verbas das várias áreas que constituem competências da Câmara Municipal surge centrada no investimento e no reforço das funções sociais, com especial foco na melhoria e sustentabilidade da qualidade de vida dos munícipes ao nível das suas necessidades primárias e secundárias. Sobre esta área recai uma importante fatia do investimento municipal: apoio e projetos na área da Educação como Bolsas de Estudo, Manuais, Transportes e Refeições Escolares, a Escola de Música do Município, apoio à Terceira Idade, Passe Social do Concelho de Avis, Cultura, nomeadamente a Feira Medieval Ibérica e a Feira Franca de Avis, Programas de Valorização e Inclusão Social como o Programa “Jovens em Movimento” e Programa “Avis +” e Desporto, com Promoção e divulgação da prática de Remo e a Corrida de São Silvestre em destaque.

A marcar ainda o Plano de Atividades Municipal continua a inscrição de uma verba, determinada pela Direção-Geral das Autarquias Locais (DGAL), correspondente à contribuição do Município de Avis para o Fundo de Apoio Municipal (FAM), a realizar em 7 “tranches” de 57.312,00 euros, entre 2015 e 2021, até perfazer o montante de 401.184,11€.

 

Siga-nos no Facebook e no Twitter!

publicidade

Fale connosco

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Siga-nos no Facebook