Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Informadouro

Éramos Douro... agora somos mundo!

Informadouro

Éramos Douro... agora somos mundo!

Vila Real vive Semana do Ambiente com Arte

Divulgação

A Arte está no Parque Corgo, em Vila Real, a celebrar a biodiversidade do concelho. Em semana do Ambiente dois jovens artistas aceitaram o desafio do Município e deram largas à imaginação criando escrulturas com base no processo de assemblagem.

Bruno Rajão, conhecido por Bafo de Peixe reciclou materiais e desperdícios e deu "vida" a um Corvo que instalou junto à ponte localizada entre a fronteira do Parque Florestal e o Parque Corgo, criando assim, um recanto de aves nesse espaço ao mesmo tempo que servirá para requalificar a zona.

Tiago Sousa criou uma salamandra-lusitânica, uma espécie endémica da Península Ibérica presente em Vila Real. A obra exibe-se junto à entrada nordeste do Parque Corgo e foi produzida a partir de peças de olaria negra de Bisalhães, relacionando dois símbolos do património local que correm o risco de desaparecer.

Divulgação

Até ao dia 6 de junho são muitas as atividades agendadas. Hoje, 4 de junho, pelas 21h00, haverá observação de aves noturnas e morcegos no Centro de Ciência onde, quarta-feira, está prevista a observação de borboletas noturnas. Para o Dia Mundial do Ambiente, 5 de junho, há iniciativas a decorrer no Centro de Ciência e na Agência de Ecologia, onde poderão ser visitadas as exposições "Insetos em Ordem" e "Património Natural de Trás-os-Montes". A apresentação do primeiro caderno de campo do Município de Vila Real, dedicado às borboletas está marcada para as 16h00 e terá como palco o Centro de Ciência.

Dia 7 de junho as atenções vão estar centradas na Agência de Ecologia Urbana, onde irá decorrer uma conferência que terá como oradora a galardoada cientista portuguesa Maria Manuel Mota.

O 35º aniversário do Parque Natural do Alvão comemora-se a 8 de junho e quem ajudará à festa serão as escolas dos municípios de Vila Real e Mondim de Basto.

A Semana encerra com o Festival Internacional de Imagem de Natureza que terá como momento alto o workshop de desenho de natureza nos dias 9 e 10 de junho. Maria Romão Ferreira será a formadora de serviço.

Para participar neste desafio há que fazer a inscrição, gratuita, mas obrigatória. A única coisa que o participante terá de levar consigo, para além da criatividade e imaginação, será lápis grafite "2H, HB, e 2B, caneta de tinta-da-china 0,05 Sakura ou similar, pincel sintético Nº 1 e Nº 4 e ainda tinta-da-china. As condições de inscrição e participação nas atividades podem ser consultadas na página do Centro de Ciência de Vila Real.