Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Informadouro

Somos mundo!

27.02.19

Açores: Presidente do Turismo arguido por desvio de fundos


Bruno Micael Fernandes

Açores9/Direitos reservados

O presidente da Associação de Turismo dos Açores Francisco Coelho foi constituído arguido, esta quarta-feira, pela Polícia Judiciária de Ponta Delgada (PJ) durante a operação "Nomos". 

Segundo a edição online do Correio do Manhã, o responsável está indiciado por crimes de peculato, para além da suspeita de ter desviado vários milhões de euros em fundos comunitários ao longo dos últimos anos. Ao rol de acusações, junta-se também fraude na obtenção de subsídios e falsificação de documentos. 

Além de Francisco Coelho, foi também constituído arguido um empresário, proprietário de uma agência de viagens, sob suspeita de corrupção ativa e três entidades coletivas. 

Entre 2006 e 2016, o Turismo dos Açores recebeu 40 milhões de euros em fundos comunitários. É neste período que se centra a investigação, havendo suspeitas de desvio de milhões de euros contornando as regras de contratação pública. 

Também a companhia aérea açoriana SATA foi alvo de buscas, sendo apenas um dos locais onde estão a decorrer as ações da PJ desde esta terça-feira.