Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Informadouro

Somos mundo!

O nosso dever? Informar!

31.10.18

Setúbal: homem condenado a prisão efetiva por maus tratos a animais


Bruno Fernandes

ethan-hu-590384-unsplash.jpg

É a primeira vez que é aplicada a pena de prisão por maus tratos a animais desde que a lei entrou em vigor em 2014. 

Um homem de 60 anos foi condenado a 16 meses de prisão efetiva por quatro crimes de maus tratos agravados a animais de companhia. O indivíduo esventrou a sua cadela que estava em trabalho de parto, refere a edição online do jornal Público

Os factos dados como provados referem que Hélder Pasadinhas fez uma intervenção cirúrgica "a sangue frio" à sua cadela Pantufa para retirar os fetos. Três nados vivos foram retirados da cadela mas o antigo enfermeiro no Ultramar não retirou outros dois, tendo apenas suturado o corte feito na parede abdominal, esquecendo-se da parede do útero.

Os cachorros que o indivíduo retirou foram colocados num saco e metidos num lixo, tendo morrido à fome e ao frio. A Pantufa "foi deixada num canto da casa após a operação, sem assistência veterinária, e morreu dois depois", descreve o jornal. 

Um segundo indivíduo acusado de coautoria foi condenado a 60 dias de multa a seis euros cada dia. 

A decisão está a ser descrita como sendo um "dia histórico para o percurso dos direitos animais".